terça-feira, 22 de setembro de 2009

O Que Dizem Suas Iniciativas?



As vezes algumas situações tendem a despertar em nós novas esperanças ou atitudes.
Nem sempre conseguimos entender o agir de Deus mas, acredito que estes momentos requer de nós uma compreensão melhor de nós mesmos quanto nossa participação na vida. Então teremos uma melhor visão do que Deus quer fazer “com isto” ou com “aquilo” que desejamos ou não.

Lendo a passagem do paralítico da cidade de Betesda (João 5), fiquei pensando no que aquele homem poderia querer se não a cura da sua paralisia. Ou se ele tinha o desejo intrínseco de continuar no tanque.

Esta questões me vieram a mente pelo fato de Jesus perguntar a ele: Queres ficar são?

Será que 38 anos não foram suficientes para que então ele desejasse sair daquele estado?
O que aconteceria para que ele não quisesse?
Será que ele estava no tanque por conveniência?

Mas a resposta inicial não foi SIM e nem tão pouco NÃO. Ele respondeu de forma a justificar seu estado: “Não tem homem algum que me ajude...” (v.7)
Às vezes ocorremos no mesmo erro, queremos algo e colocamos nossa esperança no homem.
Salomão em Prv. 3:26 nos orienta que a aconteça o que acontecer o Senhor será sempre a nossa esperança.

Ele esperava pelo agito das águas e Jesus se apresentou no silêncio...

Para aquele homem o anjo era garantia de seu milagre.
Façamos como Moisés (Êxodo 33), a presença do anjo é bom porém a presença de Deus é insubstituível!

Ser restaurado, requer de você uma postura de responsabilidades, não dá pra ficar aguardando o mover “das águas” pelo pastor, líder, coordenador de eventos da igreja e etc.
Muitos não estão dispostos a serem restaurados, pois com isto sairão da condição de improdutividade, de carência, de dependência...

Uma coisa é certa, embora tendo ele não respondido de forma sucinta, e até colocar a culpa de sua situação em outros, ele deixa claro as suas tentativas frustradas de tentar ser restaurado.
Aquele homem mesmo com toda dificuldade se esforçava, e isto pra Deus foi o bastante para entender que o paralítico tinha “sintomas” suficientes para ser restaurado.

“Levanta-te, toma tua cama, e anda”

A palavra chave não foi sua lamentação, mas suas iniciativas durante 38 anos para a restauração. “...mas, enquanto eu vou, vem outro antes de mim”(V. 7)

Não importa o tempo, a situação em que você se encontra ou quem não te ajudou quando poderia.
Será que suas iniciativas dizem: Sim! Eu quero ser restaurado?

7 comentários:

Inspiração disse...

Existe, de fato, uma sintonia entre atitudes e propósitos. Assim, ocorre uma interseção do tempo do homem (que é medido e relativizado) com o tempo adimensional de Deus (não subordinado a uma sucessão de eventos e a espaço). Ou seja, a única forma de provocar este encontro é tomanndo-se alguma iniciativa, porém, confiando absolutamente no Deus que não divide a sua glória com ningupem.

Laura Pinheiro disse...

amem, lindo demais!
maldito o homem que confia no homem!
o enteressante que que Jesus apenas mandou ele levantar!

precisamos levantar de nosso comodismo!

fique na paz!

Ricardo disse...

O Deus que conhece o desejo, e sabe da intenção de cada coração é o mesmo que sem que haja uma palavra em nossa língua; Ele tudo conhece.(Sl.139)

Tatiane Dias disse...

Linda reflexão, amiga. Passei para te desejar uma semana abençoada. Bjinhos e Graça e Paz.

simô disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
simone disse...

É interessante quando Jesus faz esta pergunta ao paralítico, queres ficar são?Quando queremos algo devemos fazer a nossa parte, não esperar que os outros façam por nós, cabe a nós a iniciativa."Eu quero, com Deus eu posso"!

caminhoestreito disse...

Sem dúvida alguma, nossas iniciativas dizem quem somos ou quem seremos. As atitudes de Mardoqueu, suas obras o livrou.
"Porque o judeu Mardoqueu foi o segundo depois do rei Assuero, e grande para com os judeus, e agradável para com a multidão de seus irmãos, procurando o bem do seu povo e trabalhando pela prosperidade de toda a sua nação." Ester 10:03

Postar um comentário

Você estará edificando vidas com o seu comentário.
Deus seja contigo. Obrigada

 
BlogBlogs.Com.Br